Seringas para insulina: cuidados na aplicação

by

Segundo o Vocabulário Internacional de Termos Fundamentais e Gerais da Metrologia (VIM)[1], “instrumento de medição” é definido como “dispositivo utilizado para uma medição, sozinho ou em conjunto com dispositivo(s) complementare(s)”.

Desse ponto de vista, seringas para aplicação de insulina podem ser consideradas instrumentos de medição. Portanto são passíveis também de erros. Nesse caso, todo atenção é pouca, pois, muitas vezes, na área da Saúde, pequenas diferenças podem representar riscos reais para o paciente.

As seringas de insulina são constituídas de um cilindro e de um êmbolo (pistão), destinados à injeção de insulina, possuindo uma escala graduada em unidades que serve de referência para a quantidade a ser aplicada do medicamento (foto 1).

Para evitar erros na aplicação do medicamento, é preciso ficar atento à demarcação da escala na seringa. De acordo com o especialista em Metrologia e Qualidade do Centro Tecnológico do Ipem-SP, Alexandre Sobral, é imprescindível que o operador da seringa tome o devido cuidado de verificar onde inicia a escala de gradação.

O ideal, segundo ele seria que o fabricante demarcasse a linha zero de gradação coincidindo com a parte mais próxima do bico da seringa.

Quando a linha zero não coincide com a parte mais próxima do bico, o usuário pode ser induzido a erros, ao empurrar o êmbulo até o final do seu curso, expelindo mais volume do que deveria.

Exemplos de erros

Por exemplo, na seringa, com capacidade nominal de 1 ml, reproduzida na figura abaixo, com menor divisão de escala de 0,02 ml, a linha zero de gradação não coincide com a parte proximal (parte mais próxima do bico da seringa). O espaço existente entre a linha zero de graduação e parte proximal equivale, aproximadamente, a uma divisão de escala; ou seja: 0,02 ml.

Portanto, numa ocasião de injeção de insulina, se o operador de uma seringa semelhante à apresentada, ao invés de empurrar o êmbolo até a linha zero de graduação, empurrá-lo até o final do seu curso (que coincide com a parte proximal), irá expelir um volume adicional de, aproximadamente, uma divisão de escala ou 0,02 ml.

 De acordo com o estudo apresentado por Alexandre Sobral, o resultado seria particularmente grave no caso em que uma seringa como esta fosse utilizada para injeções de insulina de pequenos volumes (como em tratamento de crianças neonatais).

Ao injetar 0,02 ml de insulina (que, reforçamos, equivale a uma divisão de escala na seringa utilizada em nosso exemplo), se o operador da seringa empurrar o êmbolo até o final do seu curso irá expelir um volume de, aproximadamente, 0,04 ml ou algo em torno de 100% a mais do desejado!

Diante do exposto, o Ipem-SP, por meio do seu Centro Tecnológico, enviou parecer com estudo detalhado, ao Ministério Público, sugerindo a necessidade da inclusão na norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT NBR ISO 8537:2006), atualmente em vigor, da especificação referente à escala de graduação da seringa (linha zero de graduação iniciando na parte proximal).

Alexandre Sobral lembra que a especificação era prevista por norma técnica anterior (NBR 14352:1999), revogada, e que não foi mantida na norma vigente.


[1] Adotado no Brasil por meio da Portaria Inmetro nº 029/1995.

About these ads

Tags: ,

28 Respostas to “Seringas para insulina: cuidados na aplicação”

  1. Larissa Says:

    Tenho uma dúvida.
    Na seringa de insulina de 1ml U-100 preciso administrar 0,1ml usando essa seringa vou considerar até a marcação do número 10 ou no primeiro traçinho depois da marcação inicial?

    • Montini Says:

      Cara Larissa,
      Observe se na seringa que você irá usar o primeiro traço da escala encosta na parte proximal (batente do êmbolo). Se não houver espaço, ou seja, se o primeiro traço começar bem junto ao fim do curso do êmbolo, então a marcação de 10 UI ficará no número 10 da escala. Nas boas marcas de seringa é isso o que acontece. Entretanto, se na seringa que você pretende usar houver um espaço entre o início da escala e a parte proximal, como mostramos na ilustração, então nem vale a pena tentar compensar o erro de marcação de escala. O melhor é trocar a seringa por uma de boa qualidade.

  2. Andreana Says:

    A seringa de 1ml, seringa de insulina e seringa de tuberculina possuem a mesma escala de graduação?

    • Montini Says:

      Cara Andreana,
      Não necessariamente. Seringas para insulina e para tuberculina podem apresentar escala em mililitros ou em Unidades Internacionais. Quando são graduadas em Unidades Internacionais, as seringas com capacidade de 1 ml geralmente apresentam escala de 100 UI com menor divisão de 1 UI (cada UI equivale a 0,01 ml). Quando graduadas em mililitros geralmente apresentam escala com menor divisão em 0,02 ml (equivalente a duas UI). A escolha da seringa vai depender da dose a ser ministrada.

  3. Monica Says:

    Como faço pra aspirar em um seringa de insulina 0.6 UI?

    • Montini Says:

      Cara Monica,
      Veja: Uma UI equivale a 0,01 ml (um centésimo de mililitro). Portanto, 0,6 UI equivalem a 0,006 ml (um milésimo de mililitro). Desconheço que exista no mercado seringa com graduação em décimos de UI (milésimos de mililitros). Mas, talvez, você queira aspirar 0,6 ml em uma seringa graduada em UI. Ser for isso, basta aspirar 60 UI. Recomendo, entretanto, consultar o seu médico a respeito. É muito arriscado errar na dosagem de insulina.

  4. joelma Says:

    Muito bom os comentários! Gostei muito!

  5. Laise Dernielle Says:

    Boa tarde, eu tenho um paciente que utiliza 80 ui de insulina por dia, diividindo em duas vezes ao dia, eu libero a insulina nph dela para um mês quantas ampolas eu devo libera?

    • Montini Says:

      Cara Laise,
      Uma UI equivale a 0,01 mililitros. Oitenta UI equivale, portanto, a 0,8 ml. Se o paciente consome regularmente essa quantidade de insulina, então em trinta dias consumirá 24 mililitros. Aí, bastará ver qual a quantidade de insulina contida em cada ampola para calcular quantas ampolas serão necessárias. Por exemplo: Se as ampolas forem de 5 ml, então serão necessárias 5 ampolas. Entretanto, recomendo que você se informe melhor com o médico da paciente ou com o responsável pela área.

  6. gisele souza Says:

    quais as diferenças entre seringas em ml e ui

    • Montini Says:

      Cara Gisele,
      As seringas graduadas em UI são específicas para aplicação de insulina. Já as seringas graduadas em mililitros podem ser utilizadas para outras finalidades. Uma Unidade Internacional (UI) equivale a 0,01 ml. Ou seja, 1 ml (um mililitro) equivale a 100 UI (cem unidades internacionais de insulina).

  7. maria regina Says:

    se 100 unidades internacionais corresponde a 1ml então quer dize q 2ml corresponde a 200 unidades internacionais? é isso?

    • Montini Says:

      Cara Maria Regina,
      Sim, 100 UI (unidade internacional) de dose de insulina equivale a 1 ml (mililitro). Portanto, 2 ml equivalem a 200 UI. Recomendo, entretanto, extremo cuidado ao calcular dose de insulina. Seringas de 1 ml (100 UI) costumam ser graduadas em 0,02 ml (2 UI), enquanto seringas com capacidade menor (de 0,5 ml ou 0,3 ml) podem ser graduadas em 0,01 ml (1 UI). Além disso os cálculos de diluição não são muito simples. Consulte seu médico ou um profissional especializado da área médica.

  8. bernardo domingos da silva Says:

    tenho de da 3ui de sematropina na minha filha quantos ml eu aplico mem resposte

    • Montini Says:

      Caro Bernardo. É preciso muito cuidado na aplicação de doses tão pequenas. É muito importante que você peça orientação para o médico ou farmacêutico sobre como aplicar o medicamento. 3 UI (unidades internacionais) equivalem a 0,03 ml e é recomendável usar seringa com capacidade de 0,5 ml ou 0,3 ml, pois são graduadas em 0,01 ml (1 UI).

  9. Samara Batista Says:

    Olá! Estou com uma duvida em relação a dosagens para um cão da raça poodle com média de 10kg. Era feito o uso da insulina Caninsulin, 6U uma vez ao dia, mas por falta da mesma e com a recomendação do veterinário passará a usar por alguns dias a Humulin R. E estou com duvidas em como fazer o calculo para aplicar esta dosagem de 6U com a Humulin R, você saberia me ajudar? A seringa utilizada é de 40U (40-U Insulin, Intervet).

    Obrigada!

    • ipemsp Says:

      Cara Samara,
      Desculpe, mas infelizmente não podemos ajudar, pois isso é responsabilidade do profissional que cuida do seu cão. Recomendo que você consulte o veterinário a respeito.

  10. Eloisa Says:

    Gostaria que c/ tantas duvidas nas aplicaçoes de insulina, Em relaçao as seringas. Por que nao indicam as ferramentas necessarias, ou seja a seringa adequada.Quais sao as mais simples sem duvidas de erros.Obrigado.

    • Montini Says:

      Cara Eloisa,
      Como já comentamos aqui no blog, o procedimento não é mesmo muito simples e exige muito cuidado e atenção. A indicação da seringa adequada a cada caso é responsabilidade do médico, e a ele também cabe orientar o paciente e os seus familiares ou cuidadores sobre os procedimentos adequados.

  11. Fatima Says:

    Tenho dúvidas pois as vezes as seringas são graduadas a partir de 0,01 e outras 0,02 ml,confunde demais o profissional que está aplicando,existindo tantas dúvidas ,penso que o melhor deveria ser todas as seringas graduadas a partir de 0,01 ou seja um único padrão de graduação. É muito sério o tratamento de um paciente diabético,trabalho em um hospital de grande porte e recebi a queixa de uma cliente que fez vários episódios de hipoglicemia em um mesmo dia e relatou-me achar que poderia ter sido erro de uma profissional em treinamento ter aplicado dosagem errada da insulina. Por isso este meu relato. Sem mais agradeço.

    • Montini Says:

      Cara Fátima,
      Você tem razão. Aplicar insulina com essas seringas exige experiência! Por isso nós recomendamos que o profissional seja bem treinado! E os cuidados devem ser ainda maiores quando as doses são ministradas pelo paciente ou seu familiar. Quanto à sua sugestão, o problema é a dosagem. Seringas de 1 ml (100 UI) costumam ser graduadas em 0,02 ml (2 UI) justamente em razão de serem usadas para dosagens maiores, enquanto seringas com capacidade menor (de 0,5 ml ou 0,3 ml) são graduadas em 0,01 ml (1 UI) pois são utilizadas para dosagens menores. De todo modo, até onde sei, não existem estudos para criar legislação que obrigue o fabricante a usar escala única para todas as seringas.

  12. flaviacurty Says:

    numa seriga de 1ml è a mesma coisa de 100un,entao gostaria de saber se 10un é a mesma coisa do que 0,1ml

    • Montini Says:

      Cara Flávia,
      Sim, 100 UI (unidade internacional) de dose de insulina equivale a 1 ml (mililitro). Portanto, 10 UI equivalem a 0,1 ml. Recomendo, entretanto, extremo cuidado ao calcular dose de insulina. Seringas de 1 ml (100 UI) costumam ser graduadas em 0,02 ml (2 UI), enquanto seringas com capacidade menor (de 0,5 ml ou 0,3 ml) podem ser graduadas em 0,01 ml (1 UI). Além disso os cálculos de diluição não são muito simples. Consulte seu médico ou profissional especializado da área médica.

  13. nilza Says:

    Estou com dúvida, na seringa tuberculina, cada traço corresponde a duas doses (2UI)?

    • Montini Says:

      Cara Nilza,
      Depende da seringa. Seringas de 1 ml (100 UI) costumam ser graduadas em 0,02 ml (2 UI), enquanto seringas com capacidade menor (de 0,5 ml ou 0,3 ml) podem ser graduadas em 0,01 ml (1 UI). Os cálculos de diluição não são muito simples. Peça orientação ao seu médico, ou um profissional especializado da área médica.

  14. SELMA Says:

    TENHO DUVIDAS EM RELAÇÃO DOSAGEM DE INSULINA INJETAVEL SC.
    USANDO SERINGA DE 100 TENHO QUE TOMAR 4U COMO GRADUAR ESSA DOSAGEM NA SERINGA

    • Montini Says:

      Cara Selma,
      Administrar insulina é coisa séria. Você deve consultar o seu médico e seguir o que ele recomendar. As seringas para insulina são graduadas em doses chamadas Unidades Internacionais (UI). Nas seringas com capacidade para 30 UI e 50 UI, cada traço equivale a uma dose (1UI), enquanto na seringa de 100 UI, cada traço equivale a duas doses (2UI). Entretanto, volto a repetir, consulte o seu médico sobre que seringa escolher, que agulha escolher e como ministrar o medicamento de maneira correta e segura. Obrigado pela consulta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 169 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: