Termômetros clínicos: Como funcionam

by

Os termômetros clínicos só podem ser comercializados após serem submetidos aos exames exigidos pela legislação metrológica. Os ensaios apuram se os termômetros estão medindo corretamente a temperatura, e se foram fabricados de acordo com as normas. Apenas os termômetros clínicos aprovados exibem o selo do Inmetro, e apenas os termômetros clínicos que exibem o selo do Inmetro são aprovados. O Ipem-SP verifica, diariamente, centenas desses instrumentos.

termômetro clínico analógico

termômetro clínico analógico

O termômetro clínico analógico é formado por um tubo de vidro oco dotado de uma escala termométrica em Graus Celsius, geralmente de 35°C até 42°C. A legislação metrológica pertinente exige que a escala dos termômetros clínicos deve estender-se de pelo menos 35,5 ºC até 42 ºC, com divisão de 0,1 ºC. Funciona Assim: No interior do tubo de vidro maior existe um outro tubo, muito fino, chamado de tubo capilar, o qual termina num bulbo onde o um líquido sensível ao calor (geralmente mercúrio ou álcool colorido) fica armazenado. Quando colocado em contato com o corpo (na axila, por exemplo), o líquido no interior do bulbo se expande e se desloca ao longo do capilar proporcionalmente à temperatura do corpo.  Um estrangulamento no capilar, logo após o bulbo, impede que o líquido retorne espontaneamente, permitindo que se faça a leitura da temperatura na escala graduada.

termômetro clínico digital

O termômetro clínico digital possui um circuito eletrônico alimentado por uma pequena bateria (como a de um relógio) e um sensor de temperatura na extremidade do instrumento, tudo isso acomodado em um estojo plástico dotado de um visor. Como nos demais modelos, a legislação metrológica exige que a escala desses termômetros estenda-se de pelo menos 35,5 ºC até 42 ºC, com divisão de 0,1 ºC . Funciona assim: O sensor de temperatura é um componente eletrônico (termistor, um semicondutor sensível à temperatura), que varia sua tensão conforme a temperatura aplicada, e essa tensão é transformada em sinais digitais que são enviados para a tela LCD do instrumento. Após colocado em contato com o corpo (na axila, por exemplo) um cronômetro interno avisa com um bipe que o processo de medição da temperatura terminou. 

 

LEMBRE-SE:

O mercúrio é uma substância extremamente tóxica. Seus efeitos são cumulativos e não são eliminados pelo corpo humano. Não o toque com a mão desprotegida.

Veja algumas curiosidades sobre o termômetro e o mercúrio aqui.

Tags: ,

24 Respostas to “Termômetros clínicos: Como funcionam”

  1. Alaura Says:

    Boa noite,
    Meu termometro quebrou e quando vi estava as bolinhas de mercurio no chao peguei elas com um papel em uma mao e na outra uma folha de sulfite, passei um pano depois e descartei tudo em um saco plastico e deixei a janelas abertas!
    Sera que corro algum risco?tenho medo de alguma bolinha minuscula ter ficado e não tenha visto!
    😫

    • Montini Says:

      Cara Alaura,
      Você faz bem em ser cautelosa, o mercúrio metálico é extremamente tóxico. No caso, para remover qualquer eventual resíduo, lave a área com água sanitária diluída em água e mantenha as janelas abertas. O mercúrio deve ser colocado num frasco bem fechado e descartado, juntamente com o termômetro quebrado, nos locais que recebem pilhas e baterias, para evitar a contaminação do meio-ambiente.

  2. joelma Says:

    O termômetro clínico é a melhor forma de saber a temperatura….

    • Montini Says:

      Cara joelma,
      O termômetro clínico é a melhor forma de medir a temperatura do corpo humano, e de alguns animais também. Para medir a temperatura de outras coisas (desde a temperatura do ar até a dos fornos da indústria siderúrgica, por exemplo), existe uma grande variedade de termômetros e termopares.

  3. Fany Says:

    queria saber qual a diferença do termometro clinico para o termometro a alcool, e para medir q tipo de coisas cada um serve ?

    • Montini Says:

      Cara Fany,
      O termômetro clínico é projetado para medir a temperatura corporal de pessoas ou de animais. Como dissemos no post, dentro desse termômetro existe um líquido sensível ao calor que se expande com o aumento de temperatura, e que pode ser o mercúrio metálico ou o álcool colorido. Existem muitos outros tipos de termômetros destinados a medir a temperatura do ar, de fornos, caldeiras, estufas, processos biológicos, químicos, enfim, uma grande variedade. São construídos com diferentes tecnologias, como os bimetálicos (termopares), os de cristal líquido, os de infra-vermelho (para medição de temperatura à distância,) os de máxima e mínima etc. Ou seja, para cada necessidade de medir temperatura existe um termômetro específico que trabalha em diferentes faixas de medição.

  4. Lucila Says:

    Republicou isso em Ensinar Matemáticae comentado:
    Artigo do IPEM sobre o termômetro clínico.

  5. kati Says:

    como funciona el termometro clinico quiero saberr

    • Montini Says:

      Estimada Kati,
      El termómetro está formado por un tubo de vidrio hueco donde se dibuja una escala termométrica em grados Celsius, de los 35 ° C hasta 42 ° C . Dentro del tubo hay otro, muy delgado, llamado tubo capilar, que termina en un bulbo donde se almacena un líquido sensible al calor (mercurio o alcohol coloreado ). Cuando ponemos el bulbo en contacto con el cuerpo, el líquido en el interior se expande y se mueve a lo largo del capilar en proporción a la temperatura corporal. Un estrechamiento en el capilar, justo después del bulbo, impide el retorno de líquido de forma espontânea. Por favor, lea el contenido de la entrada.

  6. shirlei souza Says:

    eu queria saber se tem diferença dum termometro clinico para um outro sem ser o de gas

    • Montini Says:

      Cara Shirlei,
      O termômetro clínico, usado para medir a temperatura das pessoas (e de alguns animais também) pode ser analógico ou digital e trabalha numa faixa entre 35°C a 42°C. Existem muitos outros, científicos e industriais, destinados a medir a temperatura do ar, de fornos, caldeiras, estufas, processos biológicos, químicos, enfim, uma grande variedade. São construídos com diferentes tecnologias, como os bimetálicos (termopares), os de cristal líquido, os de infra-vermelho (para medição de temperatura à distância,) os de máxima e mínima etc. Ou seja, para cada necessidade de medir temperatura existem termômetros específicos que operam em diferentes faixas de medição.

  7. rildo de Amorim Rodrigues Says:

    Porque o termômetro clinico deve ficar em contato com o corpo naregião das axilas ou boca
    Durante dois minutos mais ou menos

    • Montini Says:

      Caro Rildo,
      Para que a medição da temperatura aconteça corretamente, o termômetro clínico precisa ser colocado em contato com alguma parte do corpo que não sofra influência da temperatura do ambiente externo (como a boca, axila ou ânus) durante tempo suficiente para que o corpo transmita o seu calor ao termômetro (mais ou menos dois minutos) e ambos fiquem com a mesma temperatura (equilíbrio térmico).

  8. Larissa Firmiano Says:

    meu termotro quebrou e eu peguei sem querer no mercurio vou morrer?

    • Montini Says:

      Cara Larissa!
      Não, não! Você não vai morrer por causa disso. De fato, o mercúrio metálico é tóxico e não deve ser tocado com as mãos desprotegidas, mas um contato rápido não traz maiores complicações. Porém daqui em diante, tenha mais cuidado, ok?

  9. lukenia Says:

    gostaria de saber mais sobre o termometro clinico

  10. fernandomeneezes Says:

    Me ajudou bastante , obrigado!

  11. leonildo firmo ribeiro ferreira Says:

    Tecnicamente muito fraco, não trás a mínima e a máxima e nem em quantas divisões a escala possui.

    Grato
    leonildofirmo@hotmail.com

    • ipemsp Says:

      Caro Leonildo
      Você tem razão! Embora não tenha sido nossa intenção fazer um post tecnicamente sofisticado reconheço que estava mesmo fraquinho. Obrigado por nos alertar e continue nos prestigiando!

  12. Adelaide Says:

    Não gostei, não, da matéria…

  13. Rodolfo Says:

    NOOB! Ta hunted…
    huashas to zuando/// ae manolo muito bom copiei e colei no meu trabalho quase fechei:::: :) otimo topico vlw !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.


%d blogueiros gostam disto: